Dario Bossi: "O novo Código de Mineração não está sendo escrito principalmente por políticos, e sim pelas empresas que estão atrás deles, os apoiaram e agora os manipulam"

Para marcar o lançamento dos Anais do Seminário Internacional Carajás 30 Anos, o padre Dario Bossi, da Rede Justiça nos Trilhos, escreveu artigo preocupante sobre a discussão enviezada, travada no Congresso (aliás, falta de discussão), acerca do novo Código da Mineração, que consegue ser pior e mais retrógrado que aquele que propõe substituir.

Durante o lançamento, Dario chamou atenção para esse verdadeiro golpe tramado em Brasília, junto com as mineradoras, para transformar os territórios em terra arrasada pela mineração indiscriminada:

"A mudança (no código) visa a facilitar o lucro e a rapidez na exploração dos minérios do país. O código está sendo reescrito a favor das empresas", denunciou. Ele explica que o que está sendo inserido permite explorar "três, quatro, cinco vezes mais que se tem explorado até agora", alertou.

Para piorar a proposta do novo código que conta com apoio do governo, já muito favorável às empresas e ameaçadora para o meio ambiente e para as comunidades, os parlamentares financiados pela mineração têm apresentado substitutivos e emendas ao projeto de revisão do código, com inserções que pioram e aumentam as ameaças inicialmente apresentadas nessa proposta de revisão, sem garantia de território dos povos tradicionais e originários. Uma dessas medidas acaba com a licitação para exploração, substituindo-a por mera autorização, o que pode ser visto como entrega do setor e liberação sem critérios das áreas para mineração. Veja, a seguir, o artigo de Dario sobre o novo Código que, caso seja aprovado, trará malefícios à sociedade nos curto, médio e longo prazos.

Register to read more...

Lançados Anais do Seminário Carajás 30 Anos: resistências e mobilizações na Amazônia oriental

Aconteceu na manhã do dia 5 de maio de 2015, no Campus da Universidade Federal do Maranhão em São Luís, um ano após realizada a Etapa Final do seminário, o lançamento dos Anais do Seminário Carajás, documento que reúne grande parte da produção e troca de conhecimento elaborado e vivenciado durante todas as etapas do Seminário, que aborda a forma de as comunidades atingidas pelos chamados grandes projetos de desenvolvimento resistirem a esse processo.
O documento contendo mais de mil páginas, com artigos, comunicações orais, relatório dos pôsteres apresentados, relatoria das mesas da Etapa Final, as Cartas de Belém e de São Luís, fotografias de momentos do Seminário, já está disponível no sítio do evento, podendo ser acessado no menu lateral.

O LANÇAMENTO
Durante a cerimônia de lançamento, as comunidades que participaram da construção do Seminário estiveram representadas, e relataram suas experiências de resistência, que persistem. Acompanhe um pouco do que foi mais esse momento marcante, que encerrou formalmente o Seminário, que segue unificando as lutas, resistências, produção e circulação do conhecimento de diversas formas em favor dos povos da Amazônia:

Register to read more...

Lançamento dos Anais marca um ano da Etapa Final do Seminário Internacional Carajás 30 Anos

Dia 5 de maio de 2015 completa um ano de realização da Etapa Final do Seminário Internmacional Carajás 30 Anos: resistências e mobilizações frente a projetos de desenvolvimento na Amazônia oriental.

Para marcar a data, serão lançados, nessa data, os Anais do Seminário Internacional Carajás 30 Anos.

O lançamento acontece no Centro Pedagógico Paulo Freire, na Cidade Universitária do Bacanga (UFMA), no Miniauditório 109-110 do Centro.

Uma intensa programação está sendo construída para esse marco na história não-oficial do desenvolvimento na Amazônia, mais uma vez reunindo populações afetadas e que resistem aos processos que as veem como entraves na lógica desenvolvimentista que tenta se impor na região. Para tanto, está previsto:

Register to read more...